Tópico Fechado
Página 5 de 5 Primeira ... 3 4 5
  1. #101
    Membro Avatar de math
    Info Conteúdo e Citações Jogos Mensageiros
    Registro
    Jun 2008
    Mensagens
    153
    Verdinhas
    2

    Isso me lembra uma história, há alguns anos atrás de uma mãe que foi levar a filha de dois anos ao médico pq a criança estava com um sangramento vaginal. O médico olhou aquilo e chamou a polícia, que conversando com a mãe "descobriram" que o pai, que trabalhava em uma obra havia violentado a filhinha de dois anos.

    Foram lá na obra, prenderam o cara, devem ter dado uma bela surra e colocaram na pior cela da cadeia avisando a todo mundo: "esse FDP estuprou a filha de 2 anos". Na mídia reascendeu a discussão por pena de morte e o escambau.

    Uma médica do hospital achou o comportamento da menina diferente de quando há casos de violência infantil. Resolveu fazer um exame cuidadoso e descobriu que o hímem da menina estava intacto e, após uma tomografia, que a menina estava com um tumor no útero, por isso o sangramento.

    Nesse interim, o pai não podia ser retirado da cadeia porque havia confessado o crime em depoimento (imagina sob que circunstâncias um pai inocente confessaria tal barbaridade) e teve que ficar preso um tempão até que ficasse provada a sua inocência e que a confissão foi sob tortura.

    Imagina esse cara ter que olhar pra cara da mulher, que desconfiou dele e não exigiu do médico um exame mais detalhado. O cara deve ter tido o ** não perdoado por geral na cela e ainda sofrido horrores na tortura.

    Por isso esses pre-julgamentos da imprensa são tão perigosos e a pena de morte no calor dos "fatos" uma coisa extrememaente perigosa.

    Edit: a notícia:
    Spoiler:


    BRASIL 14/03/2001
    Direitos Humanos

    Alexandre, um brasileiro
    Após erro médico, pai é torturado para
    assumir estupro da própria filha
    É assustador que um médico acuse, sem provas, um pai de abusar sexualmente da filha de um ano e sete meses depois de não conseguir diagnosticar que o sangramento na região anal da criança era causado por um tumor. Também é inaceitável que um delegado possa ter reservado sessões de tortura ao suposto estuprador para que confessasse algo que nunca fez. Ou que um hospital se exima da culpa de um erro médico dessa gravidade. Essa sucessão de irresponsabilidades aconteceu em Bom Jardim de Minas (MG), e quase destruiu a vida do servente de pedreiro Alexandre de Oliveira, 23 anos. Preso no dia 12 de janeiro, ele foi acusado de violentar a própria filha. A denúncia foi feita pelo médico Edson de Rezende Meireles, do Hospital Municipal local, que atendeu a menina e constatou sangue na região anal e dificuldade para andar. Tudo decorrência de um tumor.

    Na cadeia, Alexandre conta que foi chamado de “vagabundo e pilantra”, levou tapas na cabeça do PM Francisco Lagrota, golpes nos pés com uma barra de ferro do detetive Jorge Luiz Vaz e choques na nuca do delegado Anderson Lobato. A corregedoria instaurou um inquérito. “O pior momento foi a hora da confissão”, lembra o servente. Procurado, Lagrota nega ter participado da tortura: “Se ele confessou, deve ter sido induzido a fazer isso. Mas eu não fui.” Vaz e Lobato não foram localizados pela reportagem. O pesadelo de Alexandre na cadeia só chegou ao fim seis dias depois, quando a ONG Centro de Defesa dos Direitos Humanos e a OAB provaram, a partir de um novo exame feito pelo IML de Juiz de Fora, que a criança não fora violentada.

    O exame de corpo de delito de Alexandre, feito no Hospital Municipal, na presença do detetive Vaz, não constatou agressões. O laudo do IML, ao contrário, apontou as lesões. Os médicos estão temporariamente afastados. A história foi parar na Comissão de Direitos Humanos da Câmara Federal, onde há dois requerimentos para a instalação de uma CPI da Tortura. Cometido por agente público, o crime pode ter a sentença aumentada de um sexto a um terço. “A lei de tortura nunca foi aplicada no Brasil”, afirma o deputado Nilmário Miranda (PT-MG), que esteve em Juiz de Fora e levou o caso ao ministro da Justiça, José Gregori, e ao relator da ONU Nigel Rodley. A menina passa bem e o tratamento do tumor ficou a cargo da Fundação Ricardo Moyses, pois Alexandre não tem condições de pagar as despesas. Ainda assustado, ele custa a acreditar que tudo passou. Se houver justiça, essa história está começando.

    Fonte:
    http://www.terra.com.br/istoe/1641/b...brasileiro.htm

    Última edição por math : 26-08-2008 às 17:20

  2. # Publicidade
    Publicidade

  3. #102
    Zed
    Zed está offline
    Membro Avatar de Zed
    Info Conteúdo e Citações Jogos Mensageiros
    WAT?!?! WTF !?!?!
    Registro
    Oct 2001
    Mensagens
    9.233
    Verdinhas
    45

    bota um pitbull para comer o ** desse filho da puta

    que viado

  4. #103
    Membro
    Info Conteúdo e Citações Jogos Mensageiros
    Registro
    Nov 2004
    Mensagens
    1.075
    Verdinhas
    27

    Vai virar mulherzinha na cadeia

  5. #104
    Suspenso
    Info Conteúdo e Citações Jogos Mensageiros
    Registro
    Jun 2004
    Mensagens
    5.431
    Verdinhas
    0

    Citação Citando Dito Ver mensagem
    9 anos
    putz
    depois dizem que a humanidade está evoluindo
    Na Antiguidade pedofilia nem era crime e era comum.

  6. #105
    Membro Avatar de Netto-19
    Info Conteúdo e Citações Jogos Mensageiros
    Tudo culpa do PT
    Registro
    Feb 2002
    Mensagens
    4.579
    Verdinhas
    112

    eu comia a cadela!!!

    bizarre sex rlz!!!!

  7. #106
    hardMOB Staff - Ouvidoria Avatar de OriOn
    Info Conteúdo e Citações Jogos Mensageiros
    Registro
    Aug 2001
    Mensagens
    8.974
    Verdinhas
    1514

    Extremistas.

  8. #107
    Membro Avatar de [Apollyon]
    Info Conteúdo e Citações Jogos Mensageiros
    Registro
    Oct 2005
    Mensagens
    2.064
    Verdinhas
    52

    Citação Citando Rafael "El Mariachi" Ver mensagem
    eu gostei do esqueminha de zoom na imagem do site da noticia... scriptzinho bacana.
    Muito massa mesmo, bem melhor que popup ou qualquer outra merda.

Tópico Fechado Ir para o Fórum
Página 5 de 5 Primeira ... 3 4 5

Assuntos do tópico

Compartilhar

Permissões