Tópico Fechado
  1. #1
    Membro
    Info Conteúdo e Citações Jogos Mensageiros
    Registro
    Jun 2002
    Mensagens
    319
    Verdinhas
    0

    Como estar numa guerra e não correr risco de vida? Jogando Operation Flashpoint!

    Operation Flashpoint é um jogo tão singular que nem pode ser enquadrado no gênero tiro em 1ª ou 3ª pessoa (FPS ou TPS). O seu gênero seria tiro em 1ª e 3ª pessoa com uso de tanques, helicópteros e aviões em mapas do tamanho de cidades. Na verdade OF é um simulador de guerra, sendo o melhor e mais real nesse gênero. Sete características fazem esse jogo ser único:

    a) Opção de escolher entre a visão em 1ª e 3ª pessoa: Em OF é possível escolher entre a visão 1ª e 3ª pessoa. Com isso se tem 2 jogos em 1. Embora a visão em 1ª pessoa não seja o forte do jogo, pois a qualidade das texturas das armas e do braço do soldado não é boa, a visão em 1ª pessoa é ótima para mirar e atirar com tanques, helicópteros e aviões. Já a visão em 3ª pessoa é mais indicada para a visualização do soldado e para se deslocar com tanques, helicópteros e aviões. Apertando-se a tecla “0” pode-se mirar pela mira verdadeira da arma.

    b) Mapas gigantescos: Os mapas de OF são imensos se comparados a outros jogos do gênero. Para se ter uma idéia do seu tamanho, os mapas do CS são quadrados de 200 metros de lado, totalizando uma área de 40000 m². Já os mapas do OF são quadrados de 10000 metros de lado, totalizando uma área de 100000000 m²! Os mapas de OF são 2500 vezes maiores que os mapas do CS!

    c) Uso de tanques, helicópteros e aviões: Em OF se pode pilotar tanques, helicópteros e aviões, o que diversifica muito a jogabilidade, tendo em vista que vc poderá não só atirar com armas manuais (de pequeno porte), mas também com armamento pesado (de grande porte). Com isso o jogo fica muito mais realista, pois numa guerra os tanques, helicópteros e aviões desempenham um papel muito mais importante que as armas manuais.

    d) Trabalho em equipe: Em OF o jogador não atua sozinho, ele pertence a um batalhão e atua junto com um grupo de soldados, tornando o jogo mais real, pois numa guerra, batalha ou combate o soldado nunca atua sozinho e sim em grupo. Alem disso é possível pedir ajuda aos outros soldados.

    e) Estratégia em tempo real (RTS): Em OF o jogador começa como soldado e à medida que se cumpre as missões ele vai evoluindo hierarquicamente nas forças armadas até chegar a major. Quando o jogador passa a ser capitão, major, etc, ele passa a comandar um batalhão de soldados, podendo dar ordens a eles em vez de somente receber ordens ou pedir ajuda. É ai que OF passa a ser também um jogo de estratégia em tempo real (RTS), podendo se mudar a visão para um outro tipo de visão em 3ª pessoa, que vista de cima e que se pode girar livremente em torno do jogador. Com ela é possível clicar em outros soldados e dar ordens para eles. A estratégia, tática e planejamento quando se comanda um batalhão é muito importante, pois tem que se dar ordens para os soldados te ajudarem a cumprir os objetivos e ao mesmo tempo não deixa-los morrer em ataques errados.

    f) Interatividade: Em OF é possível derrubar arvores, cercas e muros e destruir casas e prédios. Quase todos os objetos do mapa podem ser destruídos e é possível entrar em muitos prédios e casas.

    g) Realismo: OF é sem duvida o jogo mais realista já lançado. A movimentação do jogador é real, podendo ficar (e andar) de joelhos, ficar (e andar) deitado e até sentar no chão! Não há uma barra de vida, onde o jogador perde pontos de uma escala de 0 a 100 quando leva tiros. Com a barra de vida, os danos do jogador são “digitais”, ou vc está vivo com 100% de força ou vc está morto. Com a barra de vida, a movimentação e a força do jogador é a mesma com 1% ou 100% de saúde, o que não ocorre na realidade. Em OF, quando o jogador leva tiros, ele vai perdendo os movimentos e a força. Tiros nas pernas fazem com que o jogador só possa andar deitado (se rastejando). Na maioria das vezes, 1 ou 2 tiros são suficientes para matar. O tempo transcorre de maneira real, com nascer e por do sol.

    OF tem apenas 2 defeitos, mas que não chegam a estragar o jogo:

    a) Os gráficos do OF são ruins se comparados com os jogos atuais. Não se pode esperar gráficos excelentes de um jogo que tem mapas do tamanho de cidades. Mesmo assim os cenários e paisagens são muito bonitos. A expansão Resistence melhorou muito a qualidade gráfica, mas deixou o jogo um pouco pesado.

    b) A marinha não está presente, só havendo uns barcos pequenos. Não há navios de guerra como destroiers, porta-aviões e submarinos. Seria interessante ter mini porta-aviões como os ingleses, que transportam os aviões de pouso e decolagem vertical Harrier, assim seria possível dar suporte aéreo mais efetivo aos fuzileiros navais. Poderia ter destroiers e submarinos para poder lançar mísseis Tomahawk contra alvos em terra. Quem sabe em outra expansão...

    Apesar de OF ser um jogo fantástico, muitos gamers não gostam dele. É inacreditável que Battlefield 1942 (que é um clone de OF) tenha feito mais sucesso que ele. Não é por causa da qualidade gráfica, pois se assim fosse ninguém estaria mais jogando CS. A única explicação para o fato de OF não ter feito muito sucesso no Brasil é porque ele muito difícil de ser jogado, devido a sua característica de se aproximar o mais possível da realidade. Em OF não se pode sair correndo e atirando como em outros jogos do gênero. Tem que ter calma, tática e estratégia. Ter que andar agachado ou se rastejando. Tem que se esconder. Tem que saber a hora certa de avançar ou recuar. Apesar disso o jogo não é impossível de ser jogado, é só ter paciência e planejar os ataques. Em jogos multiplayer se o time não tiver planejamento, tática e estratégia não a chega a lugar nenhum. Muitas pessoas não tem paciência para aprender a joga-lo, instalam o demo ou o jogo, jogam alguns minutos e desistem. Deve-se jogar por vários dias para ai sim dizer se o jogo é bom ou não.

    Os tanques do OF são um show à parte. Quando se entra em um tanque a sensação que se tem é a de estar jogando um simulador de tanques. São 6 tanques ao todo, 2 americanos (M1A1 Abrams e M60 Patton) e 4 russos (T80 BV, T72 M1, T55 e BMP-1). Pode-se escolher entre ser o comandante, o artilheiro ou o piloto. Na visão em 1ª pessoa, se vê o interior do tanque, que é bem detalhado e até as pernas e braços do jogador. O comandante vê o interior da sua “cabine”, o artilheiro vê o interior da sua “cabine” e o piloto vê o interior da sua “cabine”. Movendo o mouse pode-se olhar ao redor da cabine e apertando a tecla “0”, pode-se olhar ou mirar pelo visor. Os tanques disparam vários tipos de munição, o som do disparo do canhão é perfeito e o tanque balança e recua com o disparo. Os tanques quando se deslocam deixam um rastro de poeira e soltam fumaça dos seus motores. Quem nunca jogou OF e quiser ter o prazer de pilotar um T72, baixe o demo da expansão Resistence http://www.3dgamers.com/games/opflashpoint/ e jogue a missão 2.

    Enfim jogar OF é a mesma coisa que estar numa guerra, com a diferença que não se corre risco de vida!

  2. # Publicidade
    Publicidade

  3. #2
    Membro
    Info Conteúdo e Citações Jogos Mensageiros
    Registro
    May 2002
    Mensagens
    363
    Verdinhas
    0

    manero neh?

  4. #3
    Membro
    Info Conteúdo e Citações Jogos Mensageiros
    Registro
    Nov 2002
    Mensagens
    1.794
    Verdinhas
    0

    vai postar isso em games
    e nao em CS

  5. #4
    Membro Avatar de Thunder :-P
    Info Conteúdo e Citações Jogos Mensageiros
    Registro
    Dec 2001
    Mensagens
    4.138
    Verdinhas
    38

    Temos uma parte do fórum dedicada ao assunto:
    http://forum.hardmob.com.br/forumdis...?s=&forumid=37

    []´s
    Thunder

Tópico Fechado Ir para o Fórum

Assuntos do tópico

Compartilhar

Permissões