+ Responder Tópico
Página 4 de 4 Primeira ... 2 3 4
  1. #76
    Membro Avatar de Tcool
    Info Conteúdo e Citações Jogos Mensageiros
    Registro
    Jan 2001
    Mensagens
    5.284
    Verdinhas
    62

    Baaaa ja to curioso.... muito estranho isso... tb to achando que nao eh processador... ta mais para memoria ou vga... tomara que seja memoria... ja penso perder uma radeon 9700? afffff good luck manow!!


    []'z

  2. # Publicidade
    Publicidade

  3. #77
    Membro
    Info Conteúdo e Citações Jogos Mensageiros
    Registro
    Dec 2001
    Mensagens
    488
    Verdinhas
    0

    fonte da maxxtro 500w r0x

    uso ela aqui e pampa

    paguei 120...

    em relacao ao seu problema, acho q vai c dificil coneguir o euipamento queimado, com excessao da fonte :/

    boa sorte do memo jeito, espero estar errado

  4. #78
    MHz
    MHz está offline
    Membro
    Info Conteúdo e Citações Jogos Mensageiros
    Registro
    Nov 2001
    Mensagens
    2.874
    Verdinhas
    2

    nao sei se vcs fazem isso mas aki em casa e no trabalho eu faço e sempre dou essa dica para o pessoal e jah ajudou muita gente a nao queimar um pc ou peças com sobre carga.

    Tipo, pega um filtro de linha e liga o establilizador nele e liga o filtro na tomada. pra quem nao sabe filtro de linha sao akelas reguas com varias tomadas, com um botao liga e delisga e q podem ou nao ter um fusivel.

  5. #79
    Membro
    Autor do tópico
    Info Conteúdo e Citações Jogos Mensageiros
    Registro
    Sep 2002
    Mensagens
    2.362
    Verdinhas
    0

    NOTICIAS RUINS:

    os srs. do Portal do PC. Ltda. estão tentando me enrrolar... é bem provável q a situação tenha que ir pra o PROCON ou algo do gênero. Eles acusam de overclock ou overvolt, porém na minha concepção, eles teriam que provar que foi feito overclock e/ou overvolt, sem falar que minha placa de vídeo nunca trabalhou overclockada mais de 1hora e mesmo assim, com níveis muito aceitáveis. Overvolt é inexistente, pois para começar que não é possível a alteração de voltagem por software e precisaria de alguma modificação por hardware para o mesmo.
    O ponto é que eles dizem que o fornecedor NÃO TROCAM PEÇAS QUEIMADAS, mas não é isso que diz na garantia, onde fala que ao menos que exista uma evidência que foi queimada por MÁ INSTALAÇÃO ou ALTERAÇÃO DE VOLTAGEM etc, eles não trocariam. Então eles estão na obrigação de me resarcir dos danos.
    Outro fator é que toda o sistema elétrico da minha casa é DDR (um sistema que desarma toda a casa com uma qualquewr variação de voltagem, evitando choques durante mutio tempo ou descargas elétricas) e que toda a fiação é nova e todo o sistema elétrico é TRIFÁSICO.

    Gostaria que quem entende de DIREITO ou sabe modos que eu posso seguir para conseguir o ressarcimento devido, ou até mesmo o que EU posso alegar e o que ELES podem alegar, me ajudassem nessa "2ª parte" da "luta".

    Muito Obrigado desde já,
    Abraço
    Guilherme

  6. #80
    Membro Avatar de Megallanic
    Info Conteúdo e Citações Jogos Mensageiros
    Registro
    Apr 2001
    Mensagens
    5.367
    Verdinhas
    0

    q droga cara
    a minha fonte eh generica, comprei com o hardweb, espero q isso naum aconteca

  7. #81
    Membro
    Autor do tópico
    Info Conteúdo e Citações Jogos Mensageiros
    Registro
    Sep 2002
    Mensagens
    2.362
    Verdinhas
    0

    Originalmente enviada por guismarquesrj
    *******NOTICIAS RUINS***********

    os srs. do Portal do PC. Ltda. estão tentando me enrrolar... é bem provável q a situação tenha que ir pra o PROCON ou algo do gênero. Eles acusam de overclock ou overvolt, porém na minha concepção, eles teriam que provar que foi feito overclock e/ou overvolt, sem falar que minha placa de vídeo nunca trabalhou overclockada mais de 1hora e mesmo assim, com níveis muito aceitáveis. Overvolt é inexistente, pois para começar que não é possível a alteração de voltagem por software e precisaria de alguma modificação por hardware para o mesmo.
    O ponto é que eles dizem que o fornecedor NÃO TROCAM PEÇAS QUEIMADAS, mas não é isso que diz na garantia, onde fala que ao menos que exista uma evidência que foi queimada por MÁ INSTALAÇÃO ou ALTERAÇÃO DE VOLTAGEM etc, eles não trocariam. Então eles estão na obrigação de me resarcir dos danos.
    Outro fator é que toda o sistema elétrico da minha casa é DDR (um sistema que desarma toda a casa com uma qualquewr variação de voltagem, evitando choques durante mutio tempo ou descargas elétricas) e que toda a fiação é nova e todo o sistema elétrico é TRIFÁSICO.

    Gostaria que quem entende de DIREITO ou sabe modos que eu posso seguir para conseguir o ressarcimento devido, ou até mesmo o que EU posso alegar e o que ELES podem alegar, me ajudassem nessa "2ª parte" da "luta".

    Muito Obrigado desde já,
    Abraço
    Guilherme
    Quem souber dos meios judiciais ou coisa do tipo dá um help aki pra eu saber ocmo proceder por favor!

  8. #82
    Membro Avatar de NoOne
    Info Conteúdo e Citações Jogos Mensageiros
    Registro
    Sep 2000
    Mensagens
    12.664
    Verdinhas
    87

    Guilherme,

    Basta olhar a tua assinatura eu ja teria provado o uso de overclock.

    Olha só..
    Tu teria que conversar na boa com eles.. e por o caso no procon.. se eles enrolarem muito.

    Entao a placa de video foi pro saco.. ??
    Foi ela e a fonte.. isso??

    Abraços
    NoOne

  9. #83
    Membro
    Info Conteúdo e Citações Jogos Mensageiros
    Registro
    Feb 2003
    Mensagens
    3
    Verdinhas
    0

    Não detenho pleno conhecimento da processualística do CDC, sou apenas mero estudante em início de carreira ehehehe. Todavia, cabe lembrar que, em juízo, o magistrado pode decretar a inversão do ônus da prova, fundamentada na verossimilhança ou hipossuficiência. Como o termo já implica, a verossimilhança pode ser acatada mediante uma alegação plausível por parte do consumidor, cabendo ao fornecedor provar o contrário. Deve-se ressaltar que “alegação plausível” não implica necessariamente na apresentação de provas materiais. À grosso modo, a hipossuficiência do consumidor, por sua vez, evidencia-se na ausência de recursos do mesmo em provar sua alegação; conseqüentemente, há a inversão do ônus da prova pois há o entendimento de que o fornecedor detém maiores condições de produzir provas. O Juizado Especial Cível lida com ações no valor de até vinte salários mínimos e realmente não necessita de advogado. Porém, apesar de menos oneroso, um processo judicial sempre implica em custas. Aconselho você a recorrer primeiramente ao PROCON, que detém um bom sistema de mediação, com o objetivo de evitar medidas mais drásticas caso haja acordo entre as partes. Ademais, seus profissionais podem aconselhá-lo mais adequadamente e informar-lhe de seus direitos.

    Quanto à outra pergunta, o fornecedor pode alegar que o vício de qualidade do produto advém exclusivamente da conduta do consumidor ou de terceiro, fato que o isenta de responsabilidade – enquadrando-se neste caso o overclock, overvolt e os vmods. Entretanto, cabe a ele provar se tal conduta de fato consumou-se. Por fim, lembro a todos que o CDC sempre é interpretado a favor do consumidor, a parte mais fraca nas relações de consumo e, por se tratar de norma de ordem pública, não pode ser afastado por nenhuma das partes.

    Espero ter ajudado!

+ Responder Tópico Ir para o Fórum
Página 4 de 4 Primeira ... 2 3 4

Assuntos do tópico

Compartilhar

Permissões