+ Responder Tópico
  1. #1
    Membro
    Info Conteúdo e Citações Jogos Mensageiros
    Registro
    Feb 2002
    Mensagens
    115
    Verdinhas
    0

    1o Review do AoM em Português

    PARTE 1

    INTRODUÇÃO:

    Age of Mythology (AoM) é o terceiro título desenvolvido pela Ensemble Studios e distribuído pela Microsoft, as versões anteriores (Age of Empires e Age of Empires II: The Age of Kings) venderam mais de 10 milhões de unidades. Não confundir Age of Mythology com Age of Empires III, talvez a Ensemble Studios no futuro até venha a produzir o Age of Empires III. A Mitologia é o ingrediente principal deste terceiro título que traz inovações gráficas com uma nova engine, inovações na jogabilidade com a inclusão de heróis, unidades mitológicas e "god powers" e principalmente aprimoramentos no lado estratégico já que agora será preciso escolher 4 deuses no decorrer das partidas, fato que irá determinar as características do seu povo e de sua estratégia ao longo do jogo. Você poderá controlar os gregos, egipcios ou nordicos.



    GRÁFICOS:

    A primeira coisa que se nota ao jogar Age of Mythology são os belíssimos gráficos. O filme de abertura é excelente e mostra Arkantos, seu herói durante o modo de campanha, entrando num templo grego sendo guiado por Athenas e tendo visões de confrontos entre humanos e seres mitológicos como minotauros, no fim do filme bem ao estilo Hollywoodiano nosso bravo herói tem uma saída triunfal. O menu principal apresenta ao fundo um belo cenário cheio de detalhes e pode mudar de tempos em tempos.

    Os cenários merecem maior destaque graficamente falando, a animação das águas se movimentando e as ondas nas praias já mostram logo de cara do que a nova engine 3D é capaz de produzir. Além disso cada unidade tem sua própria animação. Vários God Powers, espécie de magias, impressionam bastante graficamente também, como por exemplo: Rain, Meteor Shower e Tornado. Agora nesta nova versão é possível mudar o ângulo de visão da câmera, que vem travada por padrão, basta destravar nas Options ou apertar "ALT+C" e usar o Scroll do mouse para rotacionar. Também é possível dar Zoom basta pressionar as teclas "+" e "-".

    Pra quem gostava dos animais nos jogos anteriores no Age of Mythology isso é o que não falta. Você irá encontrar: touros, javalis, vacas, crocodilos, garças, veados, elefantes, alces, gazelas, girafas, cabras, hipopótamos, hienas, leões, macacos, orcas, urso polar, porcos, tubarões, galinhas, peixes, urubus, pássaros, morsas, búfalos, baleias, lobos e zebras.



    SONS:


    O ritmo do jogo é bem representado pelas trilhas sonoras que merecem um destaque a parte visto que a Ensemble Studios usou uma orquestra pra compor as músicas. Uma inovação aqui é que dependendo do momento da partida as músicas podem mudar de ritmo, por exemplo se você está atacando a base do seu oponente a música fica mais agitada, mais acelerada. No modo de campanha cada personagem tem sua voz única que acaba favorecendo na construção dos personagens. Como nas versões anteriores os famosos Taunts não poderiam ficar de fora (Dica: testem o Taunt número 999 pra ver o que acontece). Para aqueles que não sabem Taunts são atalhos para alguns sons durante o jogo a fim de agilizar uma mensagem ou um pedido aos seus aliados ou inimigos, por exemplo o Taunt número 14 quer dizer "Comece logo o jogo!". Para acionar os Taunts basta digitar algum número de 1-35 no chat.



    JOGABILIDADE:

    Jogabilidade bastante familiar com a encontrada nas versões anteriores. A interface do AoM foi melhorada com o acréscimo do sistema de banners pra algumas unidades como heróis e agrupamentos maiores, se por exemplo, um grupo for formado em sua maioria por barcos o banner terá uma âncora como ícone diferentemente de um grupo formado em sua maior parte por infantaria que terá como ícone um espada pra facilitar a identificação. Uma opção bastante interessante é o fato de ser possível aumentar a área de visão do mapa tirando algumas texturas dos menus, basta pressionar as teclas CONTROL + SETA PRA BAIXO. Observe nas fotos abaixo as diferenças. Eu particularmente prefiro jogar sem as texturas na versão mais enxuta visto que aumenta a área visível.



    CIVILIZAÇÕES:

    Aqui está talvez a maior diferença dos Ages anteriores se comparados com Age of Mythology. Desta vez você terá apenas 3 civilizações ao seu dispor pra escolher porém desta vez elas são totalmente diferentes entre si. Elas são diferentes pois elas parecem diferentes e principalmente porque o modo de jogar é diferente. Um conselho pra quem migrar dos Ages anteriores pro Age of Mythology é começar a jogar com os Gregos depois Egipicíos e finalmente com os Nórdicos. Veja o porquê de ir nessa ordem:

    Gregos: É a civilização mais parecida com os povos do Age of Kings. A estrutura é basicamente a mesma, você irá coletar comida, madeira e ouro pra fazer seu exército, construções e avançar para as próximas idades. Os gregos coletam "favor" mandando seus peões rezar no templo diferentemente dos Egípcios e Nórdicos. No geral, as unidades mitológicas dos gregos são caras e muito fortes. No geral, os heróis do gregos também são caros e fortes mas você só pode fazer cada herói por vez, se você já fez determinado herói você só poderá fazer ele novamente depois que ele morrer. No começo de uma partida normal os gregos começam com 3 peões e 1 scoat (cavalo pra explorar o mapa).


    Egípcios: Os Egípcios começam uma partida normal com 2 peões, 1 faraó e 1 priest. O faraó e o priest são os heróis dos Egípcios portanto eles são bons contra unidades mitológicas. O priest é a unidade para explorar o mapa no começo do jogo com Egípcios, ele possue um campo de visão restrito mas em contrapartida ele pode fazer "Obeliscos" que são ótimos para explorar. Você pode fazer quantos priests quiser. O faraó além de ser ótimo contra unidades mitológicas tem uma habilidade chamada de "empower" que basicamente funciona como um turbo. Por exemplo, se o faraó estiver fazendo empower numa contrução que ainda está sendo contruída ela será contruída mais rapidamente, se o faraó estiver fazendo empower numa contrução militar já feita ela vai produzir unidades mais rapidamente, se o faraó estiver fazendo empower numa contrução que coleta recursos os peões trabalhando nessa contrução irão trabalhar de maneira mais eficiente. Você só pode ter um faraó vivo durante o jogo se ele morrer depois de um certo tempo ele renascerá. Outra diferença é que os egípcios não usam madeira pra fazer construções, usam apenas ouro. Para ganhar "favor" os Egípcios tem que construir monumentos (5 no máximo) diferentemente dos Gregos, quanto mais monumentos mais "favor" você irá coletar. No geral, as unidades mitológicas dos Egípcios não são muito fortes se comparadas com as Gregas e as Nórdicas. Os egípcios são melhores pra jogar na defesa.


    Nórdicos: Aqui a coisa já fica bem diferente, o começo dos Nórdicos é com 2 gatherers (peões normais), 1 Ox Cart e 1 Ulfsark. Os Nórdicos não podem fazer contruções como granary e lumber camp, eles fazem Ox Carts para receber os recursos que foram coletados pelos peões. Ox Cart é um boi-de-carga que se movimenta lentamente e pode ser construído no Town Center. Se por exemplo acabou a mina de ouro basta levar o Ox Cart pra outro recurso e colocar os peões para trabalhar. Os peões dos Nórdicos não podem fazer contruções, eles fazem apenas fazendas. A tarefa de fazer contruções é das unidades militares por isso você começa o jogo com 1 Ulfsark. Outro detalhe é que para coletar ouro com os Nórdicos é melhor usar o Dwarf que é um peão especializado em pegar ouro. Para ganhar "favor" você terá que ganhar as batalhas, atacar, ir pra guerra, é assim que os Nórdicos acumulam "favor", quanto mais você matar mais "favor" irá ganhar. Outra maneira de ganhar "favor" é fazer Hersir, o herói Nórdico, você pode fazer quantos quiser também. As unidades mitológicas Nórdicas no geral são caras e fortes como as gregas. Os nórdicos são melhores pra jogar no ataque.



    OS 4 RECURSOS:

    Food: Comida é usado pra fazer praticamente tudo. Você precisará de comida pra fazer peões, avançar de idade, fazer grande parte das unidades militares, fazer heróis, monumentos, pra fazer comércio, fazer unidades mitológicas e pesquisar tecnologias. Você pode coletar comida através da caça de animais, pesca com barcos, fazendas e tecnologias.

    Wood: Madeira é mais importante para os gregos e nórdicos já que os egípcios não precisam de madeira pra fazer as contruções. Você precisará de madeira pra fazer contruções, exército, fazendas, unidades mitológicas, armas de cerco e principalmente pra fazer barcos. Coletar madeira é como nos Ages anteriores simplemente ache uma floresta.

    Gold: Ouro é importante para todos os povos mas é vital para os egípcios principalmente porque eles fazem fazendas com ouro e não com madeira. Você vai usar ouro pra fazer contruções (com os egípcios), unidades mitológicas, pesquisar tecnologias, fazer heróis e principalmente exército com todos os povos. Pra coletar ouro basta garimpar nas minas de ouro espalhadas pelo mapa, algumas relíquias geram ouro, e também é possível juntar ouro através do comércio. O comércio mudou também, agora você não precisa de um aliado pra fazer comércio. Basta fazer um mercado e fazer uma rota com o seu próprio Town Center, lembrando que quanto maior a distância maior o lucro.

    Favor: Fé é usado pra fazer unidades mitológicas, alguns heróis e algumas tecnologias. Pra acumular fé de gregos mande seus peões rezar no templo, de egípcios faça monumentos e de nórdicos vá pra guerra e faça Hersirs.

  2. # Publicidade
    Publicidade

  3. #2
    Membro
    Autor do tópico
    Info Conteúdo e Citações Jogos Mensageiros
    Registro
    Feb 2002
    Mensagens
    115
    Verdinhas
    0

    Parte 2 - Continuação

    AS 4 IDADES:

    Archaic: Aqui é basicamente economia, você pode fazer muito pouco em termos militares. Nesta idade o que é mais importante é a exploração do mapa pra achar os recursos e a localização dos inimigos. Os god powers nessa era no geral são econômicos ou defensivos.

    Classical: Aqui é aonde normalmente o jogo começa a pegar fogo. Os famosos "rushes" comandam nessa era. Aqui já é possível definir o jogo ou mesmo destruir totalmente seu adversário. Os god powers nessa idade já podem ser usados de maneira ofensiva mas não tem grande poder de destruição.

    Heroic: Nesta idade o mais importante é dominar os Settlements já que a partir daqui é possível contruir novos Town Centers e com isso aumentar a pop limit. Os god powers já são mais fortes e mais ofensivos.

    Mythic: Nesta idade é possível fazer as unidades mitológicas mais fortes do jogo como o Colossus, a Múmia ou o Nidhogg entre outras. Os god powers no geral são bem fortes e ofensivos como o Tornado ou Terremoto entre outros.



    DEUSES E SEMI-DEUSES:

    No Age of Mythology além de escolher sua civilização (gregos, egípcios ou nórdicos) você deve escolher quais deuses seu povo irá adorar ou idolatrar. Logo de cara cada civilização tem 3 deuses principais que podem ser escolhidos:

    Gregos: Hades, Zeus e Poseidon.
    Egípcios: Isis, Ra e Set.
    Nórdicos: Loki, Thor e Odin.

    Após escolher seu deus principal o jogo começa normalmente e cada vez que você for avançar de idade você terá sempre 2 semi-deuses que podem ser escolhidos. Ou seja com o decorrer do jogo você vai formando seu panteão. Cada deus ou semi-deus oferece vantagens únicas, 1 god power, tecnologias, unidades mitológicas e bônus econômicos ou mititares. Com isso você pode modelar sua civilização de acordo com os deuses e semi-deuses que você escolhe e contruir sua estratégia durante o jogo ou mudar de rumo de acordo com suas nescessidades. Isso garante um excelente "replayability" já que o número de opções e estratégias é muito grande.



    GOD POWERS:

    Esta provavelmente é a parte mais legal do jogo. Os god powers são uma espécie de magia que é definida de acordo com os deuses e semi-deuses escolhidos. Durante uma partida normal você poderá receber a intervenção divina e usar até 4 god powers já que você irá escolher 4 deuses. O detalhe é que cada god power só pode ser usado uma vez na partida portanto saber quando e onde usar é vital. Existem god powers que geram benefícios econômicos como a Rain que melhora a produção das fazendas, outros como Tornado tem grande poder de destruição e outros como o Curse que transforma as unidades selecionadas em porcos, sim eu disse porcos! Pode parecer que os god powers são extremamente decisivos numa partida mas achar que os god powers vão ganhar o jogo pra você é um engano. O que mais impressiona sobre os god powers é o efeito visual na tela que é simplesmente magnífico, a primeira vez que alguém usar o Meteor na sua base você ficará de boca aberta. No total são 36 god powers.



    HERÓIS:

    O herói é um novo tipo de unidade que foi introduzido no AoM. Somente os heróis podem pegar as relíquias e levar elas de volta para os templos. Os heróis são extremamente eficientes contra unidades mitológicas e esta é sua principal função no jogo. Para identificar um herói é só ver se a unidade tem brilho próprio ou clicar no banner acima e na direita com ícone de um homem segurando uma espada. Os egípcios tem 2 heróis: o faraó e o priest. Os gregos tem vários e os nórdicos tem o Hersir que gera "favor". No total existem 47 relíquias no jogo e desta vez cada relíquia tem sua característica única diferentemente do que acontecia no Age2 onde elas geravam ouro. Algumas relíquias melhoram o exército, outras melhoram economia, outras aumentam pop limit e outras nem eu sei porque são tantas que fica difícil de lembrar agora. No Age2 o controle sobre as relíquias passava desapercebido mas agora elas podem ser bem mais decisivas.



    UNIDADES MITOLÓGICAS:

    As unidades mitológicas são unidades que no geral são mais fortes do que unidades regulares como arqueiros, cavalaria ou infantaria e por isso usam muitos slots de pop. A maioria das unidades mitológicas é produzida nos templos mas algumas são produzidas nas docas. A produção em massa delas é quase impossível visto que elas precisam de "favor". Unidades mitológicas no geral são boas contra contruções e exércitos regulares mas são fracas contra heróis. Praticamente todas unidades mitológicas tem um ataque especial único que é automaticamente acionado e para que seja acionado novamente é preciso esperar que uma barra volte a ficar cheia. Por exemplo o ataque especial da medusa é petrificar e o ataque normal é flechadas.



    SETTLEMENTS:

    Outro elemento que não existia nos Ages anteriores. Os Settlements são locais específicos no mapa onde é possível contruir novos Town Centers, isto quer dizer que só é possível contruir Town Centers nos Settlements. Isto implica diretamente numa mudança de estilo de jogo do AoK pro AoM. No AoK era possível se murar e ficar jogando defensivamente fazendo Town Centers e crescendo a economia, agora no AoM isto é bem mais difícil visto que o controle dos Settlements é decisivo a partir da terceira idade pois após fazer 10 casas fazer novos Town Centers é a maneira mais efetiva pra aumentar a pop limit. Os Settlements são espalhados pelo mapa de maneira ramdômica mas justa, nunca vai acontecer de sair 5 Settlements do lado do seu inimigo e somente 1 no seu lado por exemplo.



    MULTIPLAYER:

    LAN Play: Uma partida multiplayer suporta até 12 jogadores no mesmo jogo. Jogar em uma LAN é o ideal pra partidas com muitos jogadores visto que as chances de dar lag são menores.

    Direct IP: Funciona da mesma maneira que nos Ages anteriores. Alguém cria o jogo e passa o IP para os outros jogadores entrarem no seu jogo.

    ESO: ESO quer dizer Ensemble Studios On Line, o servidor da empresa que desenvolveu o jogo, estilo Battle.Net. No AoM o Microsoft Gaming Zone deixou de ser usado visto que muita gente reclamava que era muito complicado usar o Zone. De fato a ESO é bem mais simples e pra arranjar um jogo é questão de alguns cliques. Na ESO existe um sistema de ranqueamento interno que automaticamente registra as vitórias e as derrotas dos jogadores.

    Jogar partidas multiplayer ficou mais divertido e mais interativo no AoM já que agora desde o começo das partidas você já começa com visão compartilhada com seus aliados, não é mais preciso pesquisar tecnologias como nos Ages anteriores em idades mais avançadas.

    Existem 2 opções bastante interessantes que aumentam ainda mais o nível do jogo em equipe no AoM que se chamam Team Share Resources e Team Share Population. Caso você ligue o Team Share Resources todos os recursos dos jogadores do seu time são somados e todos usam do mesmo bolo controlando a economia como uma equipe de verdade. Caso você ligue o Team Share Population acontece o mesmo em relação ao pop limit.

    Um detalhe importante em relação aos jogos multiplayer é que em função da mudança de ritmo que o jogo sofreu, por exemplo é possível chegar na segunda idade em menos de 5min, a duração média das partidas foi reduzida consideravelmente. Dificilmente você vai jogar aquelas longas partidas que você jogava no AoK que duravam mais de 1 ou 2 horas, o jogo está infinitamente mais dinâmico.

  4. #3
    Membro
    Autor do tópico
    Info Conteúdo e Citações Jogos Mensageiros
    Registro
    Feb 2002
    Mensagens
    115
    Verdinhas
    0

    Parte 3 - Continuação

    SINGLE PLAYER:

    Random Map: Aqui é possível jogar uma partida normal contra o PC como todo jogador dos Ages anteriores já jogou. O detalhe aqui é que é possível escolher o estilo de jogo de cada adversário controlado pelo computador. É possível escolher entre Big Boomer, Balanced ou Aggressive Rusher.

    Campanha: Aqui talvez seja a mudança que Ensemble Studios tenha investido mais tempo e recursos. O modo de campanha das versões anteriores eram pequenos e eram independentes. Nesta nova versão são mais de 30 missões todas interligadas numa mesma história passando pela Grécia, Egito, Países Nórdicos e o Under World. Você pode selecionar o nível de dificuldade de maneira independente em cada missão, por exemplo se você achou determinada missão muito difícil você pode jogar ela novamente num nível de dificuldade mais fácil. A história é contada de maneira bem simples com vários filmes entre cada missão de maneira que a coisa não fique chata. A história fica mais fácil de entender pra quem tem conhecimento prévio sobre mitologia, aliás o jogo é mais divertido pra quem já tinha interesse sobre mitologia.



    EDITOR DE CENÁRIOS:

    Bom eu não sou nenhum programador de mapas e de cenários e nunca fui mas pelo que deu pra perceber o editor está bem completo. Deu pra perceber que é possível editar os cenários e produzir os mesmos belíssimos efeitos encontrados dentro do jogo incluindo movimentos dos mares, cachoeiras, chuvas, nevoeiros, clima, nível de claridade e é possível até mesmo criar os filmes que passam entre cada missão no modo de campanha. As tradicionais triggers estão presentes assim como estavam no AoK. Muito em breve será possível encontrar nos fan sites inúmeros cenários de AoM que já eram bastante populares no AoK.



    RECORDED GAMES:

    Por incrível que possa parecer o tamanho dos Recorded Games (Demos) ficaram menores se comparados aos Recorded Games do Age2. O novo formato .REC aparentemente já é compactado portanto não é mais preciso ficar zipando os RGs como antigamente. Existe um novo sistema de armazenamento também em que os jogos são renomeados automaticamente de 1-9 de tal maneira que se você já tem 9 jogos gravados o próximo entra no lugar do mais rescente e o mais velho é deletado, assim somente os 9 jogos mais rescentes ficam gravados no seu diretório de RGs na pasta SAVEGAME. Se por exemplo você acabou de jogar um jogo memorável e não deseja que ele seja deletado será preciso renomeá-lo pra algo diferente de 1-9. Outra diferença é que agora a opção de ligar ou não o Record Game fica nas Options e não no menu de configurações dentro das partidas como no Age2. Detalhe: caso o Record Game esteja ligado é impossível de saber já que ele não aparece mais no lobby do jogo, apenas o Host do jogo sabe disso. Isso pode parecer apenas um detalhe mas pelo menos evita fatos ocorridos no Age2 em que apenas alguns "experts" sabiam de bugs e não falavam pra ninguém pra tirar vantagem e nunca jogavam com Record Game ligado pra não serem descobertos. Pelo menos se você for host não tem como o outro jogador esconder uso de bugs e coisas do gênero.



    AUTO UPDATE:

    Antigamente toda vez que saia um patch era necessário fazer o download em algum site e fazer a instalação. Desta vez o jogo possui um auto-update, toda vez que sair um patch basta clicar no botão UPDATE AOM que o patch será baixado e instalado automaticamente. Isso é mais útil pra quem joga o multiplayer na ESO facilitando as coisas.



    POP LIMIT:

    Aqui as coisas mudaram bastante em relação aos jogos anteriores. Antigamente todas as unidades representavam 1 unidade em termos de pop, um elefante e um peão usavam a mesma quantidade de pop. Agora isso é variável, por exemplo um peão ocupa 1 slot de pop, o pegasus ocupa 2 slots, o centauro ocupa 3 slots e o colossus ocupa 5. No geral quanto mais forte a unidade for mais slots ela ocupará. Agora você só pode fazer 10 casas no máximo. Portanto pra aumentar sua pop limit é obrigatório lutar pelos settlements espalhados pelo mapa pois eles aumentam sua pop limit. Existem ainda algumas relíquias que aumentam um pouco a pop limit e algumas tecnologias que fazem o mesmo.

    Com essa limitação da pop limit por vários fatores o que ocorre na prática é que a pop limit virou quase que o quinto recurso do jogo, controlar os settlements é fundamental a partir da terceira idade (Heroic Age) pra poder expandir e fazer mais exército.



    RANDOM MAP SCRIPT (RMS):

    O Script que produz os mapas do AoM foi aprimorado ainda mais. No AoK por exemplo a quantidade de recursos nos mapas era fixa o que era randômico era a distribuição. Agora no AoM até mesmo a quantidade é randômica. Por exemplo se você jogar o mesmo mapa várias vezes vai notar que algumas vezes começa com muitas frutas, ou muita caça ou nenhuma caça. Isso é um aprimoramento grande sob o ponto de vista estratégico do jogo pois tende a enfraquecer os "build-orders".



    OUTRAS OPTIONS:

    Existem algumas opções como Play in Window que serve pra jogar AoM como um aplicativo qualquer, sinceramente eu não vejo muita vantagem já que normalmente quando você está jogando dificilmente você terá tempo pra fazer outra coisa paralelamente. Language Filter funciona pra evitar que palavrões sejam mostrados no chat.



    COMPARAÇÃO AoE-AoK-AoM:

    Apesar de AoM ser um jogo totalmente novo e os 3 jogos serem de gerações diferentes a comparação é inevitável. Bem vamos lá. Pra esclarecer AoE significa Age of Empires, AoK significa Age of Empires 2: The Age of Kings e AoM significa Age of Mythology.

    Semelhanças:
    - A interface é bastante parecida, eu diria que foi aperfeiçoada.
    - Os 3 tem o multiplayer muito bom.
    - Os 3 tem "Age" no nome e acho que acabaram as semelhanças.

    Diferenças:
    - AoE e AoK eram baseados essencialmente na história dos povos, AoM vai além e acrescenta as crenças ou religiões dos mesmos.
    - AoE e AoK tinham 4 recursos: food, wood, gold e stone. No AoM foi tirado stone e foi colocado "favor", eu ainda vou além diria que existe um quinto recurso que é pop limit.
    - No AoE o ritmo das partidas era mais dinâmico do que no AoK que era mais defensivo e mais lento. Agora no AoM o ritmo volta a ser mais dinâmico, mais ofensivo, as partidas são mais rápidas.
    - AoE e AoK usaram engine 2D que foi excelente em sua época mas que hoje já são consideradas velhas. AoM usa uma engine 3D que produz gráficos bem superiores e com isso demanda hardware mais avançado como a necessidade de placa de vídeo 3D.
    - AoE e AoK tinham modo de campanha fraco e simples. AoM possui modo de campanha mais robusto e completo.
    - AoE e AoK eram jogados nos servidores da Microsoft Gaming Zone que eram considerados complicados. AoM é jogado nos servidores da Ensemble Studios On Line (ESO) considerados bem mais simples.
    - AoE e AoK tinham muitas civilizações mas muito parecidas entre si. AoM tem menos civilizações mas as diferenças entre elas são bem acentuadas com modos diferentes de jogar.
    - AoE só tinha unidades regulares. AoK tinha unidades regulares e unidades únicas produzidas nos castelos. AoM tem unidades regulares, unidades únicas, unidades mitológicas e heróis além de ter god powers.
    - AoE e AoK suportavam até 8 jogadores em multiplayer. AoM suporta até 12 jogadores.
    - No AoE e no AoK as características das civilizações eram totalmente definidas no momento da escolha antes do jogo começar. No AoM as características da sua civilização é definida com o decorrer do jogo dependendo das suas escolhas dos deuses e semi-deuses gerando maior flexibilidade pra mudanças.

  5. #4
    Membro
    Autor do tópico
    Info Conteúdo e Citações Jogos Mensageiros
    Registro
    Feb 2002
    Mensagens
    115
    Verdinhas
    0

    Parte Final

    MICROGERENCIAMENTO (Agilidade Manual) X MACROGERENCIAMENTO (Estratégia):

    AoM tem vários novos fatores como unidades mitológicas, heróis, god powers, escolha de deuses e semi-deuses, settlements, relíquias únicas, random map script mais randômico ainda do que nos Ages anteriores que acabam tornando o jogo mais rico estrategicamente falando visto que o número de variações e possibilidades são intermináveis.

    Como o jogo está muito mais dinâmico do que o AoK a demanda por microgerenciamento mais refinado é maior, utilização de hotkeys é ainda mais vital no AoM do que era no AoK. O sitema de banners ajuda bastante mas é insuficiente principalmente quando se joga em alto nível. No AoM são praticamente 5 recursos pra serem adminstrados: Food, Wood, Gold, Favor e Pop Limit.

    No geral, no AoM a estratégia (macrogerenciamento) ainda tem um peso maior do que microgerenciamento, ainda mais agora nesta fase inicial onde inteligência conta mais do que velocidade no mouse ou no teclado. Provavelmente a balança deva chegar num ponto de equilíbrio ou o mais provável é que deva se inverter com o passar do tempo.



    CONCLUSÃO:

    Age of Mythology é um excelente jogo pra você que já jogou os Ages anteriores pois traz melhorias em vários setores com sólidos single e multi player e ao mesmo tempo é bom pra você que nunca jogou antes pois ele é extremamente divertido de se jogar, um jogo dinâmico, cheio de decisões pra serem tomadas e é um jogo que é lindíssimo graficamente. Ele é ainda mais recomendado pra você que gosta de mitologia ou tem interesse em aprender. Com certeza este jogo é um dos melhores do gênero RTS de todos os tempos e continuará nessa posição por um bom tempo.



    ================================================== ========================


    FICHA COMPLETA:

    Desenvolvimento: Ensemble Studios - http://www.ensemblestudios.com
    Distribuíção: Microsoft - http://www.microsoft.com.br
    Data de Lançamento no Brasil: Fim de Novembro de 2002
    Site Oficial: http://www.microsoft.com/brasil/game...gy/default.asp
    Gênero: Estratégia em tempo real (RTS)
    Versão Utilizada pelo Review: AoM (EUA)

    Configurações Mínimas:
    Win98/2000/XP
    450 MHz processor
    128 MB RAM
    16MB 3D video card
    1.5 GB of HD space


    Configuração Usada no Review:
    WinXP Home Edition BR
    Pentium 4 1.4 giga processor
    512 Rambus Memory
    GeForce 4 MX 440 64MB video card
    40 GB of HD
    Conecção ADSL 256kbs
    Monitor de 17 res max 1280x1024
    Teste feito em resolução 1280x1024x32bits


    Obs: Como este review foi feito baseado na versão americana do jogo (software e manual em inglês) este review ficou meio que híbrido com alguns termos em inglês e outros traduzidos. Após o lançamento do jogo no Brasil provavelmente este review será aprimorado com os termos corretos em português. Grato pela atenção e espero que a leitura tenha sido proveitosa.

    Review feito por: Norson "Gary__Payton" Saho.
    ICQ: 100726727
    e-mail: [email protected]

  6. #5
    Membro
    Info Conteúdo e Citações Jogos Mensageiros
    Registro
    Nov 2002
    Mensagens
    351
    Verdinhas
    0

    Parabens pelo review ,deve ter dado trabalho.

  7. #6
    Membro
    Info Conteúdo e Citações Jogos Mensageiros
    Registro
    Feb 2001
    Mensagens
    1.008
    Verdinhas
    0

    Originalmente enviada por Tuego
    Parabens pelo review ,deve ter dado trabalho.
    acho q ele copio o colo =\
    mesmo assim nem vou ler agora to sem tempo. o jogo vai sair em portuga ?

  8. #7
    Membro Avatar de MADMAX # SPFC
    Info Conteúdo e Citações Jogos Mensageiros
    Registro
    Mar 2002
    Mensagens
    5.873
    Verdinhas
    177

    Sai sim...

    www.brasoftware.com.br 99 reais comecam a enviar dia 15...

  9. #8
    Membro
    Info Conteúdo e Citações Jogos Mensageiros
    Registro
    Jun 2002
    Mensagens
    963
    Verdinhas
    0

    Muito bom o review !!!
    Vou comprar esse jogo......

+ Responder Tópico Ir para o Fórum

Assuntos do tópico

Compartilhar

Permissões