+ Responder Tópico
  1. #1
    Membro
    Info Conteúdo e Citações Jogos Mensageiros
    Registro
    Dec 2014
    Mensagens
    93
    Verdinhas
    98

    Top 12 melhores jogos de plataforma



    Em um certo momento da indústria, o gênero plataforma foi um dos mais existentes no mercado, representando absurdos 15% do total de games no mercado. Com o fim da era 16 bits e o aparecimento de consoles como o PlayStation e o Nintendo 64, o gênero foi sofrendo um declínio - mesmo que esses consoles tenham sido casas de pérolas como Castlevania: Symphony of the Night e Rayman.

    12- Sonic Generations

    Sonic Generations representa uma celebração pelos 20 anos de um dos personagens mais icônicos da história dos games. Para tanto, o jogo reune três épocas distintas: “clássica”, “Dreamcast” e “Modern Sonic”. Dessa forma, enquanto a versão antiga do ouriço aparece em fases típicas da geração 16-bits, as releituras do mascote — com olhos verdes e que diz coisas como “Cool!” — entram em cena para desafios semelhantes ao de Sonic Adventure.



    11- Trine

    Trine é um dos jogos que foca todo o potencial dos seus desenvolvedores em criar algo divertido e criativo, sem se ater aos padrões convencionais mais aceitos pelo mercado. Sua proposta é ser um game de plataforma muito bem elaborado, em que o raciocínio é exigido de seus jogadores.



    Em um estilo muito semelhante ao que conferimos em LittleBigPlanet, um dos maiores sucessos já lançados para o PS3, você deverá usar todos os elementos de física existentes dentro do jogo a fim de passar por seus desafios, o que em alguns casos não é tarefa simples.




    10 - LittleBigPlanet -

    O exclusivo de PlayStation 3 se destaca pela direção de arte fantástica, trazendo cenários 3D com uma enorme variedade na jogabilidade - é necessário brincar com a física para resolver muito dos puzzles do título, que conta com bastante colecionáveis.



    9 - Rayman Origins
    O retorno do mascotinho sem articulações da Ubisoft veio em grande estilo. Após oito anos sem ganhar um título próprio, Rayman surgiu em alta-definição e trazendo o classicismo das rolagens laterais do gênero plataforma.





    8 - Limbo
    O destaque do indie game da Playdead fica por conta da total falta de história contada pela desenvolvedora, o que ajuda na hora de aumentar ainda mais o clima sombrio dos cenários de tons cinzas, aliados a total falta de trilha sonora: aqui, seu companheiro é apenas o som de passos ou aranhas.



    7 - Kirby's Return to Dreamland
    Todo o lance caótico de se unir com quatro amigos para curtir uma partida de New Super Mario Bros. Wii se repete por aqui, trazendo um Kirby clássico, com a ação retrô, reiventada por meio de elementos inéditos da série.



    6 - Outland
    O game da Ubisoft se destaca pelos gráficos estonteantes, utilizando sobreposições de cenários chapados e detalhistas para ilustrar a história de um homem atormentado por sonhos e visões apocalípticas - enredo apresentado por meio de uma jogabilidade com direito a poderes e pulo controlável.



    5 - Super Meat Boy
    Diferente de LittleBigPlanet, o objetivo aqui não é resolver puzzles com mecânicas. A pérola indie da dupla Edmund McMillen e Tommy Refenes exige um timing quase cruel dos jogadores na hora de passar de telas e colecionar extras.



    4 - Fez
    A obra da Polytron demorou, mais saiu: anunciado em meados de 2007, o título prometia mudanças de perspectivas para resolver quebra-cabeças. Quando finalmente deu as caras na Xbox Live, em 2012, a complexidade e quantidade de segredos de Fez impressionou muita gente.



    3 - Mega Man 9/10
    Em um lançamento arriscado, a Capcom decidiu trazer seu robôzinho azul para o universo dos títulos baixáveis da Live, PSN e Wii Ware, trazendo todo o charme 8 bits que o favorito Mega Man 2 emanava em 1988. O resultado foi ótimo, trazendo a mecânica original com chefes e fases inéditos e variados.



    2 - Donkey Kong County Returns
    O plano do estúdio Retro foi utilizar valores antigos em mecânicas novas na hora de trazer a série Country, sucesso do SNES, de volta - com a mesma dificuldade brutal na hora de colecionar letrinhas pelo cenário para formar a palavra KONG.



    1 - New Super Mario Bros. Wii -

    A costura de elementos da era 8 e 16 bits dos títulos do ecanador, como Super Mario Bros. e Super Mario World, funcionou muito bem na repaginação da série que deu as caras em 2009 no Wii, trazendo mecânicas interessantes que proporcionam um certo ar de frescor na aventura.





    Fonte: playtv , Baixaki , Baixaki

  2. # Publicidade
    Publicidade

+ Responder Tópico Ir para o Fórum

Assuntos do tópico

Compartilhar

Permissões