Tópico Fechado
  1. #1
    Membro Avatar de Felipão...
    Info Conteúdo e Citações Jogos Mensageiros
    Registro
    Feb 2005
    Mensagens
    3.359
    Blogs
    1
    Verdinhas
    0

    Speller era skinhead (nazista)

    Correio Brasiliense - 22/11/2007
    ---
    Policiais encontram vasto material de apologia às idéias de Adolf
    Hitler em Taguatinga e Sobradinho. Donos dos imóveis são investigados
    por envolvimento no assassinato de skinhead, em fevereiro

    Nas paredes, cartazes e faixas com suástica, fotos de Adolf Hitler,
    recortes de jornais e revistas. Em prateleiras, estantes e armários,
    livros, manuscritos e folhetos com os princípios nazistas, além de
    facas e porretes com espinhos na ponta. No guarda-roupa, suspensórios,
    coturnos e calças camufladas, além de camisetas brancas também com
    mensagens nazistas. Todo esse material foi recolhido em duas casas
    (uma em Taguatinga e outra em Sobradinho) por policiais da 21ª
    Delegacia de Polícia (Taguatinga). Os donos das residências são
    skinheads, grupo que cultua o ódio, especialmente a estrangeiros,
    nordestinos e homossexuais.

    Os policiais chegaram ao material nazista ao investigar o homicídio de
    Jaílson Oliveira Nunes, 39 anos. O crime ocorreu em 22 de fevereiro
    último e a vítima era skinhead — tinha uma suástica tatuada no peito.
    Os agentes passaram a monitorar os antigos companheiros de Jaílson e
    conseguiram, na semana passada, autorização judicial para revistar
    duas casas, onde moram Rui Barbosa Oliveira, Aurilene Peres da Cunha e
    Rodrigo Alves Carvalho. Nos endereços, roupas, publicações e
    acessórios típicos dos skinheads acabaram recolhidos. Todo o material
    foi apresentado ontem. Uma das fotos encontradas pelos policiais
    mostra a comemoração do primeiro aniversário da filha de um dos
    investigados: a cobertura do bolo formava uma enorme suástica.

    A delegada chefe da 21ª DP, Mônica Ferreira, explica que divulgar os
    preceitos nazistas é crime. A Lei nº 7.716/89 trata dos casos de
    preconceito racial. Em 1997, o texto foi alterado e criminalizou a
    divulgação dos ideais nazistas, bem como a fabricação, comercialização
    e distribuição de materiais com esse conteúdo. Rui Barbosa, Aurilene e
    Rodrigo foram indiciados e responderão, em liberdade, por apologia ao
    nazismo . Se condenados, podem pegar de dois a cinco anos de cadeia.

    "Esse caso se encaixa no perfil que conhecemos de grupos neonazistas,
    que se consideram proletários que lutam contra burgueses e pregam o
    nacionalismo exacerbado, além do ódio a gays, judeus, nordestinos e
    negros, entre outros", disse a delegada.

    Outra característica do grupo são as tatuagens que identificam os
    nazistas. Uma tatuagem símbolo dos Carecas de Brasília é uma teia de
    aranha. Além das suásticas também havia símbolos da cultura celta e de
    grupos pagãos que eram usados por povos antigos muito antes do
    aparecimento do nazismo. A apreensão de todo esse material foi
    realizada na semana passada, porém, a polícia só divulgou ontem os
    objetos encontrados para não atrapalhar as investigações naquele
    momento.

    Intolerância
    Ódio e queima de arquivo

    Polícia monitora ação dos skinheads, que agem na capital há mais de
    uma década. Segundo investigações, quem tenta sair do grupo é
    duramente punido, até mesmo com a morte

    A morte do adestrador de cães Jaílson Oliveira Nunes, 39 anos, é
    cercada de mistérios. Uma das hipóteses para explicar o crime é de que
    a vítima era skinhead, mas queria deixar o grupo. Teria sido executada
    para não revelar detalhes sobre a atuação dos carecas em Brasília. Em
    um manuscrito recolhido durante a operação feita pela 21ª Delegacia de
    Polícia (Taguatinga), o autor escreveu que Jaílson não estava à altura
    de defender os ideais nazistas. Ele era descendente de nordestinos.

    Segundo a delegada da 21ª DP, Mônica Ferreira, ocorreram mais dois
    homicídios após a morte do adestrador de cães. Há menos de um mês, o
    skinhead Eduardo Speller foi encontrado morto com um tiro na cabeça.
    Ele teria se suicidado após receber uma intimação para prestar
    esclarecimentos à polícia. Outra morte ainda sem explicação é a de
    Lúcio Wallace Gomes, conhecido como Lobo Trovão. O corpo dele estava
    dentro de um saco amarrado a uma pedra, no fundo do Lago Paranoá.
    Gomes foi enterrado com trajes nazistas. Em depoimento à polícia, os
    donos do material recolhido nas casas em Taguatinga e Sobradinho
    negaram envolvimento com os crimes e até mesmo com atividades
    nazistas. Disseram que o grupo de skinheads encerrou as atividades em
    1980.

    Mas, para a polícia, eles pertencem à facção Carecas de Brasília, que
    prega o ódio no Distrito Federal há mais de uma década (confira
    quadro). Entre o material apreendido pela polícia, havia fotos em que
    os integrantes comemoram os 16 anos do grupo. O preconceito dos
    skinheads é dirigido principalmente contra estrangeiros, negros,
    homossexuais, punks e usuários de drogas. Os membros dessas "minorias"
    costumam ser intimidados e até agredidos ao cruzar com os carecas
    pelas ruas.

    Rixas internas
    De acordo com informações da Polícia Civil, mais recentemente tem se
    verificado também a auto-agressão entre os neonazistas. Quando alguém
    desiste do ideário violento do grupo, os ex-companheiros decidem
    puni-lo. "A atuação deles reproduz o código de honra do crime
    organizado. Os integrantes que resolvem sair acabam sendo perseguidos
    pelos antigos companheiros", conta o delegado Antônio Cavalheiro, da
    10ª DP (Lago Sul), que há quatro anos fez uma investigação especial
    sobre as gangues e os grupos neonazistas do DF — na época, eles
    atacavam homossexuais no Parque da Cidade. Essa espécie de vingança ou
    queima de arquivo por conta da saída do grupo explicaria a morte de
    Jailson Oliveira Nunes. Ele havia saído do Carecas de Brasília um ano
    antes de ser atingido por três tiros, em 23 de fevereiro último, nas
    proximidades de um supermercado de Taguatinga.

    Os serviços de inteligência da Polícia Civil mantêm acompanhamento
    constante para tentar surpreender grupos organizados em situações
    delituosas. A internet costuma ser usada por essas turmas para
    promover as idéias de ódio racial e arregimentar novos adeptos. "Os
    neonazistas e os grupos criminosos conseguem publicar na internet
    porque mantêm vários endereços. Sempre estão mudando a denominação
    para burlar os códigos de conduta dos provedores", explica o
    delegado-chefe da Divisão de Repressão aos Crimes de Alta Tecnologia
    (Dicat), Sílvio Cerqueira.

    ================================================== ============

    Somente um recorte da notícia; pra vê-la inteira acesse:

    http://www.orkut.com/CommMsgs.aspx?c...667306&start=1

  2. # Publicidade
    Publicidade

  3. #2
    Membro
    Info Conteúdo e Citações Jogos Mensageiros
    Registro
    Nov 2001
    Mensagens
    3.516
    Verdinhas
    39

    daki a pouco falam q ele era hippie e morreu de overdose

    o kra tá morto e mesmo assim gostam de ficar no pé dele -_-

  4. #3
    Membro Avatar de Felipão...
    Autor do tópico
    Info Conteúdo e Citações Jogos Mensageiros
    Registro
    Feb 2005
    Mensagens
    3.359
    Blogs
    1
    Verdinhas
    0

    Citação Citando amomra Ver mensagem
    daki a pouco falam q ele era hippie e morreu de overdose

    o kra tá morto e mesmo assim gostam de ficar no pé dele -_-
    não é questão de fiar no pé dele.

    mas sim que isso faz sentido.


    ele foi parar no hopistal dia 2, mas no dia seguintee amigos pessoais dele já falaram que ele estava morto, e que inclusive, varios já viu a foto do casamento dele, e confiramram, que era suspetio (nazismo).

    isso tudo bate com o ocorrido, e com quem já o viu ele na IRL e por foto, sabe que, de fato, o cara foi.

    infelismente, essa é a vida, pra ele, foi cedo, mas ele escolheu o caminho dele, agora nós, temos muita vida pela frente

  5. #4
    hardMOB Staff - Moderação Avatar de Ernandes
    Info Conteúdo e Citações Jogos Mensageiros
    MOVILE
    Registro
    Nov 2001
    Mensagens
    1.770
    Verdinhas
    560

    Aqui é pra falar do jogo e não da vida pessoal das pessoas. Estou fechando o tópic ^^

Tópico Fechado Ir para o Fórum

Assuntos do tópico

Compartilhar

Permissões