TI ou Economia? E muitas dúvidas.

  1. #1

    Padrão TI ou Economia? E muitas dúvidas.

    Termino o ensino medio esse ano, estou meio perdido a que carreira me dedicar, gosto muito da parte analítica de analisar dados compará-los e compreendê-los.

    Me vejo trabalhando na área financeira com investimentos, lidando com a parte economica ou administrativa de alguma empresa na área de ti com data science, big data ou algo relacionado. Não me prendo somente a essas áreas,mas são as que mais acho interessante no momento, também não descarto a área acadêmica de economia.

    Na questão de graduação tenho muitas dúvidas, na parte de economia pelo que andei pesquisando a fea(usp) e fgv são as mais requisitadas no mercado por terem uma grade mais voltada ao financeiro e cálculos,mas ainda não sei qual é a mais interessante,se tiverem outras mais interessantes a se cursar,ou estiver errado podem falar.

    Já na parte de ti nem sei qual graduação fazer e muito menos a instituição, pelo que andei vendo não tem uma formação muito específica para a área que tenho interesse,e também não tem a necessidade de graduação na área se puderem me dar um norte.

    Outras perguntas que eu tenho
    Como está o mercado de trabalho para as áreas que citei?
    E como estão os salários dos profissionais?
    E como foi a sua trajetória para chegar aí?(pra quem trabalha nas áreas que citei)

    Pra quem é da área de ti ou trabalha em bancos, corretoras ou parte financeira de uma grande empresa. Seria de grande ajuda que respondesse as minhas dúvidas e perguntas, creio que ajudaria muitos outros que tem as mesmas dúvidas e perguntas.

  2. Publicidade

  3. #2

  4. #3

    Padrão

    Já tive a mesma dúvida que você e optei por seguir carreira na tecnologia então vou falar mais ou menos o que foi dito na minha época

    Você mora aonde? Se vc mora no interior do mato grosso e não tem como ir pra um grande centro,esquece

    Economia e um curso que a instituição faz muita diferença,então se possível priorize Insper, FGV,fea, Ibmec e evite Unicamp.....brincadeira (ou não né )

    Posto isso,se você estudar numa instituição renomada e morar em um lugar bom creio que os ganhos sejam pelo menos próximos do de TI,vejo gente que trabalha nos big4 que com o tempo chega a ganhar 70K(mas trabalhando muito pra chegar nesse nível),embora pelo o que eu vejo acho que TI e mais fácil de conseguir salários altos porém em economia ainda e algo plausível nessas condições

    Sobre TI,a instituição não faz muita diferença não,uma federal te ajuda a conseguir 1 estágio mais fácil e e de graça,mas no geral e só

    Qual curso da área escolher? Bom,minha recomendação e ciências da computação ou engenharia da computação,mas vai ter gente que recomendaria fazer um tecnólogo de 2,5 anos. As diferenças entre eles são que

    Em CC vc vai aprender sobre computação no geral,então vai ter muita matemática,muito conceito pesado,abstrações e coisas assim,muito do que vc vai aprender nesse curso você NUNCA vai utilizar no mercado de trabalho,porém ele te ensina muito sobre as bases da computação,então e como dizem os alunos,eles te ensinam o pior e mais difícil,depois quando vc vai pro mercado de trabalho você acha tudo mais fácil


    Tecnólogos em geral: formação mais curta,menos matemática e durante o curso vc vai aprender mais linguagens da moda,a vantagem e que em TI o que manda e a experiência,e como esse curso e mais curto e mais voltado pra uma rápida inserção,você acumula experiência mais rápido ali no início

    Minha opinião sobre esses dois ? Você e novo então não tem (espero eu ) casa pra sustentar,logo vc não tem tanta pressa assim de ganhar dinheiro,vai pra CC mesmo,lá você vai ver muita coisa sobre computação massa pra caralho,computação gráfica,inteligência artificial,sistemas embarcados e mais um monte de coisa que não necessariamente e trabalhar como desenvolvedor

  5. #4

    Padrão

    gosto muito da parte analítica de analisar dados compará-los e compreendê-los.
    Existe uma área de Ti voltada para Dados.

    Se eu fosse você, pesquisaria bastante sobre as profissões: Engenharia de Dados, Arquitetura de Dados, Ciência de Dados, Analista de Dados (esse talvez tenha fit com vocÇê pois é muito voltado para negócio).

    Se não curtir, tem outras áreas de TI para você "testar".

    TI, segundo o pessoal, está com um apagão enorme de profissionais.

    Como economista, talvez a necessidade do QI seja maior.

    Sobre faculdade, faça!

    Eu tenho uma opinião polêmica que é: na dúvida, faça Engenharia de Produção.
    Muito Mal comparando, seria como fazer Administração super turbinada!

  6. #5

    Padrão

    Existe uma área de Ti voltada para Dados.

    Se eu fosse você, pesquisaria bastante sobre as profissões: Engenharia de Dados, Arquitetura de Dados, Ciência de Dados, Analista de Dados (esse talvez tenha fit com vocÇê pois é muito voltado para negócio).

    Se não curtir, tem outras áreas de TI para você "testar".

    TI, segundo o pessoal, está com um apagão enorme de profissionais.

    Como economista, talvez a necessidade do QI seja maior.

    Sobre faculdade, faça!

    Eu tenho uma opinião polêmica que é: na dúvida, faça Engenharia de Produção.
    Muito Mal comparando, seria como fazer Administração super turbinada!
    Não tiro uma vírgula do post do colega.

    A carreira de Data Analyst tem muito a ver com análise de dados x negócio e tem muito engenheiro indo pra essa área (eu incluso). Já aviso que tem muita matemática envolvida, principalmente estatística.

    Engenharia de produção com esse objetivo acho ótimo. Em paralelo estudaria pequenos cursos relacionados a análise de dados (excel > power bi > python). Profissionalmente, não vá pra área de engenharia.

    Como plano B tentaria uma graduação em ciência de dados, caso não consiga passar em nenhum curso de engenharia.

    Tanto faz qual a graduação você irá fazer, mas faça bem feito as matérias de estatística. Cálculos e Álgebra Linear você não precisa tirar 10, mas é bom saber os conceitos.
    Editado por Speega em 24-10-2021 às 21:46

  7. #6

    Padrão

    Bom, eu moro bem no interior do sul de minas, qualquer faculdade ou curso numa instituição mais renomada aqui não tem, mas minha família tem condiçoes de pagar minha moradia caso eu tenha que mudar,vou dar uma olhada no insper e ibmec.

    sobre TI eu já estou bem familharizado sobre alguns assuntos,eu era um entusiasta de hardware quando mais novo pesquisava muito sobre celulares e pcs e todos os componetes que os envolvia, gostava na época, hj já perdi um pouco do interesse, já estudei um pouco de javascript mais por cima, curto a área de TI mas não me vejo trabalhando muito tempo com programaçao por exemplo, gosto mais de algo voltado a negocios e analisar dados e tal,mas não descarto uma carreira como programador.

    Oque eu vejo como um baita diferencial em TI é ter mais opçoes em trabalho remoto tipo em outro pais e tal.
    vou dar uma pesquisada em faculdades de Ti mais a fundo, como vc falou a faculdade não impacta tanto talvez eu faça ate aqui perto

  8. #7

  9. #8

    Padrão

    Não tiro uma vírgula do post do colega.

    A carreira de Data Analyst tem muito a ver com análise de dados x negócio e tem muito engenheiro indo pra essa área (eu incluso). Já aviso que tem muita matemática envolvida, principalmente estatística.

    Engenharia de produção com esse objetivo acho ótimo. Em paralelo estudaria pequenos cursos relacionados a análise de dados (excel > power bi > python). Profissionalmente, não vá pra área de engenharia.

    Como plano B tentaria uma graduação em ciência de dados, caso não consiga passar em nenhum curso de engenharia.

    Tanto faz qual a graduação você irá fazer, mas faça bem feito as matérias de estatística. Cálculos e Álgebra Linear você não precisa tirar 10, mas é bom saber os conceitos.
    vou cogitar engenharia de produção parece ser mais voltado para negócios.

    o curso de engenharia e bem pesado na parte matematica não e? talvez eu tenha um pouco de dificuldade nessa parte,não sou o aluno nota 10 em tudo mas tirava ate boas notas antes da pandemia,o problema é minha base no segundo quase não existe, o ensino publico foi péssimo no ead, tambem não corri atras de aprender as matérias, fui estudar outras coisas em paralelo, e trabalhar nas terras do meu pai, comecei a correr atrás do prejuizo a alguns messes atras.

  10. #9

    Padrão

    Existe uma área de Ti voltada para Dados.

    Se eu fosse você, pesquisaria bastante sobre as profissões: Engenharia de Dados, Arquitetura de Dados, Ciência de Dados, Analista de Dados (esse talvez tenha fit com vocÇê pois é muito voltado para negócio).

    Se não curtir, tem outras áreas de TI para você "testar".

    TI, segundo o pessoal, está com um apagão enorme de profissionais.

    Como economista, talvez a necessidade do QI seja maior.

    Sobre faculdade, faça!

    Eu tenho uma opinião polêmica que é: na dúvida, faça Engenharia de Produção.
    Muito Mal comparando, seria como fazer Administração super turbinada!
    vou ver mais afundo essas profissões que você citou.

    Vi bastante a galera falando que falta profissionais na área, eu acho que tem ate mais oportunidades que economia em cargos de maior remunerçao, visto que parece ser mais facil ganhar em dolar.

    Nesse ponto eu não pensei sobre o QI...

    ja vi um pouco sobre engenharia de produçao é mais voltada para negocios não é?, ate cogitei administraçao mas parece um curso que a galera faz por fazer por ser mais fácil,so pra falar que fez faculdade.

  11. #10

    Padrão

    Termino o ensino medio esse ano, estou meio perdido a que carreira me dedicar, gosto muito da parte analítica de analisar dados compará-los e compreendê-los.
    Acabou de terminar o ensino médio e já quer escolher a carreira que vai seguir na vida? Acho que isso não deveria ser uma preocupação pelos próximos 10 anos.

    Foque em aprender skills pra vida, viaje, estude programação, estude inglês e espanhol. Aprenda a vender, comprar e poupar. Se divirta. Pratique novos hoobyes, conheça o máximo de gente possível.

    Nesse momento, mais que nunca, você deve ter certeza do que você NÃO QUER! Imagine que você escolha uma dessas carreiras, com expectativas de seguir isso o resto da vida, trabalhando árduo e daqui a 5 anos você descobre que isso não é o q você quer, e você SÓ TENTOU ISSO?

    Quer entender TI e Economia, vai em frente, faça faculdade, se possível, termine-a, ela será muito útil na sua vida, qualquer uma das duas.

    Mas antes de tudo, foque em fazer a base, que é o que explicitei acima.

    Vi bastante a galera falando que falta profissionais na área
    Esquece isso também, falta profissionais HOJE, até você chegar lá pode ser que esteja inundado de profissionais e mercado em baixa (FIZ ENGENHARIA CARALHO)

    Em 5 anos muita coisa muda, e se há um distúrbio no sistema de oferta e demanda, o mercado tende a se autorregular, a não se que você faça medicina.
    Editado por Chong em 27-10-2021 às 13:05

  12. #11

    Padrão

    (FIZ ENGENHARIA CARALHO)
    HAHAH 10 anos atrás eu cai na mesma pegadinha

  13. #12

    Padrão

    Me vejo trabalhando na área financeira com investimentos, lidando com a parte economica ou administrativa de alguma empresa na área de ti com data science, big data ou algo relacionado. Não me prendo somente a essas áreas,mas são as que mais acho interessante no momento, também não descarto a área acadêmica de economia
    O setor financeiro é bem heterogêneo. Além disso, não posso dar muitas dicas sobre essa área de trabalho, sou técnico judiciário com nenhuma experiência na área.

    Depende muito, bancos comerciais já mudaram tanto o perfil dos estagiários que eles buscam. Quando fazia Ciências Econômicas, eles buscavam alunos das Engenharias. Atualmente, os bancos procuram alunos de cursos como Ciências da Computação ou de Dados, pois o que irá predominar é a plataforma digital, tanto que muitos bancos são 100% digitais.

    Em relação aos funcionários, o perfil é um pouco diferente em determinados setores dos bancos comerciais, quem irá trabalhar com o público tem que ter em mente que será um vendedor de produtos bancários (muitas pessoas não estão dispostas a comprar esses produtos e os bancos ainda estabelecem metas de vendas irreais).

    Ademais, nos bancos privados, é preciso ter a certificação CPA-10 no mínimo. Nos bancos públicos, contratações de funcionários apenas por meio de concurso.

    Na questão de graduação tenho muitas dúvidas, na parte de economia pelo que andei pesquisando a fea(usp) e fgv são as mais requisitadas no mercado por terem uma grade mais voltada ao financeiro e cálculos,mas ainda não sei qual é a mais interessante,se tiverem outras mais interessantes a se cursar,ou estiver errado podem falar.
    USP e FGV são as melhores instituições da área, mas sem um mestrado acadêmico é quase impossível ter um salário satisfatório na área. UnB, UFMG, UFRJ e UFRGS são ótimas instituições também. Se você é de Minas Gerais, faça vestibular na UFMG. Depois de formado, você faz a prova da ANPEC, pois este é o exame que seleciona os alunos aos cursos de mestrado e doutorado das principais instituições de ensino do país.

    Ademais, é importante aprender inglês e ter cursos de Excel, Python e Matlab.

Tópicos Similares

  1. Comentários: 24
    Atualizado: 27-08-2019, 13:04
  2. [Economia MOB] Mudança de TI para Economia
    Por tr0ll em Educação & Profissões
    Comentários: 16
    Atualizado: 28-09-2018, 14:16
  3. O que estudar... Muitas opções e muitas dúvidas!
    Por Lestat Dane em Educação & Profissões
    Comentários: 18
    Atualizado: 28-07-2008, 9:26
  4. Qual Faculdade Escolher? Economia-RJ
    Por Falkner em Boteco hardMOB
    Comentários: 44
    Atualizado: 08-12-2006, 9:11
  5. Comentários: 1
    Atualizado: 15-07-2006, 22:13

Compartilhar

Permissões